Browsing Category

Música

Livros, Música

[Livros] Que melodia terá “A Árvore do Enforcado”?

Terminei de ler a série Jogos Vorazes na quinta feira, dia 22/08. Ainda estou sentindo um desagradável amargor e uma sensação de abandono com o fim da trilogia. Em primeiro porque passei um mês com os três livros em mãos, devorando-os sem interrupções ou furos de leitura (não li nenhuma outra obra além da feita por Suzanne Collins). Depois porque continuo digerindo o desfecho, com uma pontada de dor e, de certo modo, alívio. Não que a história fosse ruim, longe disso. Apenas era nervosismo e tensão demais para uma pessoa naturalmente ansiosa.
Opiniões à parte (juro que, em breve, farei um post só falando sobre as impressões que tive da triologia), uma coisa me marcou bastante: convenhamos que a música do pai de Katniss,  “A Árvore do Enforcado”, é bastante forte. Não apenas a letra, mas a simbologia que a canção carrega é intensa e marcante para os momentos finais da série. Lembro que, em 2011, escutei uma versão para a música feita por fãs. O resultado ficou lindo e compartilho com vocês agora:

 

Porém, como já falei, esse é apenas um trabalho feito por fãs. E outros fãs também fizeram suas versões para a canção. Fiz uma pequena lista de outras melodias que “A Árvore do Enforcado” ganhou dos leitores fiéis de Jogos Vorazes:

Essa aqui ainda é um belo bônus: um pequeno curta mostrando Katniss e seu pai. É lindo e vale a pena ver! <3

 

Só nos resta saber como será a música no filme. Ansiosos?

Até a próxima!

Música, Musical, Teatro

[Musical] Love Never Dies

Que eu sou apaixonada por O Fantasma da Ópera, obra de Gaston Leroux transformada em musical por Andrew Lloyd Webber, todo mundo sabe. Mas a paixão que eu pensava que já era grande se tornou maior quando tive o prazer de assistir a Love Never Dies, uma continuação para a história original do Fantasma!

Continue Reading

Música, Yume

[Yume] O vídeo surpresa e a música que nunca saiu

Há pouco mais de um ano, logo que Yume foi lançado pela finada editora, postei no antigo blog do livro a notícia de que faríamos uma surpresa dentro de alguns meses. Os que me acompanham sabem que a dita surpresa nunca veio à tona, pois, um mês depois, perdi um ente querido e acabei abandonando qualquer coisa que estivesse ligada aos meus livros.
Agora, mais recuperada, resolvi divulgar o que foi prometido há tanto tempo: a música tema de Yume.
Sim, aos que não sabiam, Yume possui uma música! A letra (que está no livro!)  foi escrita em conjunto por mim e pela minha amiga e cantora Otania Freire, a melodia composta por ela também e os arranjos feitos pelos amigos Pedro Vasconcelos e Michel Frost. Era (era não! É!) um plano nosso gravar a música em estúdio, além de fazer um clipe mais bem elaborado (porque o vídeo que está aqui embaixo foi feito numa tarde divertida entre amigos). Não sabemos quando colocaremos o plano em prática, mas, dependendo da repercussão do clipe, acredito que não demorará  :).
Peço que perdoem a qualidade do vídeo e o áudio. Foi tudo de improviso (incluindo a brincadeira que os meninos fazem no final), porém temos um carinho muito grande por esse clipe caseiro. Afinal, ele guarda consigo muitas recordações agradáveis :)
Sem mais delongas! Aqui vai:

E aí? O que acharam? :)

Música

[Música] Mumford and Sons

A primeira vez que escutei Mumford and Sons foi na soundtrack de Valente, cuja última música tocada no filme era interpretada pela banda e pela cantora Birdy. A Birdy eu já conhecia, mas me interessei pelo trabalho dos rapazes ingleses em questão e logo fui atrás de baixar os dois álbuns lançados.
Mumford and Sons é uma banda de folk rock britânica, surgida em 2007. O primeiro álbum lançado pelo conjunto foi o (maravilhoso) Sigh no More, de 2009. Em 2012, eles lançaram Babel, igualmente incrível. São quatro os integrantes: Marcus Mumford (vocal, violão, bateria e bandolim); Ben Lovett (vocais, teclados, acordeão, bateria), Winston Marshall (vocais, banjo, violão, guitarra ressonadora), e Ted Dwane (vocais, contrabaixo acústico, bateria, violão).
É um pouco complicado eu me apaixonar tão intensamente por novos grupos musicais (não me perguntem o porquê. Eu realmente não sei) e, de cara, ficar encantada com pelo menos 80%  das músicas dos álbuns. Mumford and Sons me arrebatou com sua pequena discografia e hoje, a banda faz parte da minha lista de favoritas.
Selecionei algumas músicas para vocês. Espero que gostem!

Continue Reading

Música

[Música] Fleetwood Mac

No ano passado, passeando sem pretensão pelo Flickr, dou de cara com um post de uma bonequeira que, ao final, tinha um link para uma música do Youtube. Muito curiosa, cliquei, e foi então que dei de cara com a banda britânica Fleetwood Mac.

 

Continue Reading

Livros, Música, Outubro

[Outubro] – Playlist

Faltando pouco para o lançamento de Outubro, resolvi montar a playlist das músicas que me inspiraram a escrever. Está bem variada e contém, inclusive, faixas de soundtracks de filmes e seriados (no caso, Once e Glee, respectivamente). Espero que vocês curtam e que já possam sentir o que está vindo por aí

Outubro from kamile.girao on 8tracks Radio.

Internet, Música

Alguém aí conhece a Lindsey Stirling?

Não faz muito tempo que eu conheci violinista Lindsey Stirling. Quem me apresentou à moça foi uma amiga, ao me mostrar esse vídeo aqui. A partir de então, passei a acompanhar (não frequentemente) o trabalho de Stirling.
Lindsey é uma violinista, compositora, dançarina e cantora. Seu amor pela música clássica começou logo cedo. Aos cinco anos, ela disse aos pais que queria ter aulas de violino. Depois de um ano de muita insistência, a mãe conseguiu arranjar um professor que lhe desse pelo menos 15 minutos de aulas diariamente. Entretanto, não imaginava que o amor que sua filha sentia pela música a levasse tão longe. Em 2010, Lindsey participou do America’s Got Talent, chegando às finais como “violinista hip-hop”.
Tendo optado por se dedicar inteiramente ao violino, Lindsey acabou largando as aulas de dança, outra de suas paixões. Porém, quando resolveu começar a postar vídeos de suas performances no Youtube, a moça encontrou um meio de unir seus dois amores. Stirling estudou o Footwork e até chegou a aprender sozinha o Moonwalker, montando coreografias incríveis.
Em setembro desse ano, Lindsey lançou seu primeiro álbum, intitulado por “Lindsey Stirling”. Atualmente, ela está em turnê pelos Estados Unidos e pelo Canadá. Há planos para uma turnê na Europa ano que vem.
(informações retiradas do site da própria violinista, que pode ser acessado aqui)

 

Os vídeos de Lindsey são extremamente bem produzidos e seu talento para com a música chega a ser invejável. Porém, sua habilidade em dançar e tocar ao mesmo tempo consegue ser ainda mais impressionante, visto que ela se movimenta com leveza e perfeição. Vejam por si mesmos:

 

Esse também foi um dos primeiros vídeos que vi dela e quase morri de amor. Logo você vê o cuidado extremo com o cenário e com o figurino que a produção tem. Contudo, o que me deixa mais encantada são as versões de músicas de jogos e filmes. Há uma tendência de ser o mais fiel o possível à obra, até os pequenos detalhes são pensados.

Este, obviamente, foi o meu favorito. Além do arranjo magnífico que colocaram nas músicas (a batida de rock ficou maravilhosa! Embora o Nightwish tenha feito uma versão mais pesada para a música tema de “O Fantasma da Ópera”, a da Lindsey também não deixa nada a desejar), o medley foi montado de uma maneira muito bacana. Além do quê, a escolha das músicas foi genial!

 

E aí? Vocês já conheciam a moça? :) Compartilhem suas impressões!